13
Jul
08

Wine (a minha experiência pessoal)

Wine HQ

Muito recentemente o Wine, depois de 15 anos de desenvolvimento, atingiu a versão 1.0, estando agora na 1.1.1. Para quem não sabe o que é o Wine (e utilizando ainda da sigla Wine Is Not an Emulator), trata-se de um projecto desenvolvido para sistemas operativos UNIX, permitindo executar nesses sistemas software desenvolvido para o Windows. Enfim, não se trata de um emulador porque ele não emula nada, bem pelo contrário, implementa as bibliotecas windows em linux, mas utilizando código livre.

Feita a introdução, venho agora partilhar convosco a minha experiência pessoal com esta pequena maravilha do mundo UNIX. Neste momento o meu computador pessoal está a a rodar Ubuntu Hardy Heron (8.04.1), mas ultimamente tenho sentido a necessidade de instalar alguns programas com os quais estava familiarizado e que, infelizmente, foram desenvolvidos a pensar em Windows. A título de exemplo, posso aqui referir o dvdshrink, o autoGK, etc. Além disso também tenho jogado Counter Strike Source através do Wine.

Até ao momento tenho conseguido utilizar estas ferramentas e muitas outras sem problemas de maior. De facto, pelo menos no meu caso, não posso afirmar que tudo tem funcionado sem problemas, mas o google tem sido meu amigo e tenho conseguido encontrar a solução para todos eles. Muitas vezes é necessário efectuar algum ajuste no Wine para se conseguir uma performance decente, mas também não é raro as coisas funcionarem bem sem necessidade de qualquer interferência minha.

Devo confessar que me encontro surpreendido na medida em que, no passado, as minhas experiências com o Wine não fora muito bem sucedidas. Encontrava problemas atrás de problemas, muitos programas que simplesmente não funcionavam ou, logo à partida, pareciam não se querer instalar. O google dava soluções mas, problema meu ou não, nunca funcionavam comigo. Enfim, o passado e as experiências com o Wine levaram-me a procurar algumas soluções opensource desenvolvidas para UNIX que, infelizmente, nem sempre conseguiam satisfazer as minhas necessidades.

Ao que parece, nos últimos tempos, o desenvolvimento do Wine tem acelerado a olhos vistos e, ao que pude constatar, as melhorias são significativas. Ainda me lembro de ser praticamente impossível jogar o Counter Strike Source pelo Wine, simplesmente o PC arrastava-se, não interessava quais as configurações que eu escolhia, low ou high. Agora consigo uns belos 40/50 fps’s em altas resoluções e configurações em high. Bem, a máquina não mudou, portanto, se não é das calças, só pode ser do **… Só posso concluir que o Wine tem melhorado imenso e é agora uma ferramenta muito útil.

Se estão em Ubuntu Hardy Heron, para instalar o Wine não é necessário nenhum conhecimento avançado:

1. Adicionem a chave APT do repositório utilizando o seguinte comando:

wget -q http://wine.budgetdedicated.com/apt/387EE263.gpg -O- | sudo apt-key add –

2. Adicionem à lista de repositórios as fontes APT utilizando o seguinte comando:

sudo wget http://wine.budgetdedicated.com/apt/sources.list.d/hardy.list -O /etc/apt/sources.list.d/winehq.list

3. Actualizem as listas dos repositórios utilizando o seguinte comando:

sudo apt-get update

4. Utilizem o apt-get para instalarem o Wine:

sudo apt-get install wine

Abraços

Anúncios

0 Responses to “Wine (a minha experiência pessoal)”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


Ubuntu 10.04

Ubuntu: For Desktops, Servers, Netbooks and in the cloud
Julho 2008
S T Q Q S S D
« Jun   Ago »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Petição contra o Novo Acordo Ortográfico

manifestodefesalinguapoug5

Plágio!

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape

Visitas

  • 430,267 visitantes

%d bloggers like this: